Era uma vez um corredor

 

Quenton Cassidy, atleta da Southeastern University, sonha percorrer uma milha em quatro minutos. Quando está prestes a atingir sua meta, porém, a agitação política e cultural provocada pela Guerra do Vietnã chega ao pacato departamento de atletismo de sua universidade, mudando de forma repentina o rumo de sua vida: ao se envolver em um protesto organizado pelos colegas, Cassidy é suspenso da equipe de atletismo. Sob a tutela de seu amigo e mentor Bruce Denton, ganhador de uma medalha de ouro olímpica, Cassidy abre mão daquilo que seria seu futuro e incluía uma bolsa de estudos e a namorada, para se entregar a um refúgio monástico no campo.

Lá, ele começa a treinar para a competição de sua vida: uma disputa de igual para igual com o maior nome da história das corridas de uma milha. Um raro relato sobre os desafios dos corredores de elite.

Era uma vez um corredor é até hoje um dos romances mais bem-sucedidos de público e de crítica. Em narrativa inspiradora e divertida, revela o que o homem é capaz de fazer para superar seus limites e se tornar um campeão

 

 

 

O livro perfeito para quem é corredor, ele retrata o sacrifício dos km,os pensamentos que nós corredores por vezes temos.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta