Arte e Cura. Passado, presente e futuro

Livro: “Arte e Cura. Passado, presente e futuro”.

O livro escrito por Eurico Gaspar, em parceria com a Unimed Belém e o sindicato dos médicos do estado do Pará (SINDMEPA) é o resultado de uma ampla pesquisa sobre a história das doenças ao longo dos tempos. O texto é extremamente didático e acessível, você não precisa ser da área da ciências humanas ou das ciências da saúde para entender o conteúdo do livro. O autor realizou a proeza de resumir conteúdos pesados de uma forma simples e direta. Se você precisa fazer uma pesquisa académica, esse livro é uma ótima introdução/guia pois ele não aborda somente a história medieval, eurocêntrica, mas também faz um breve passeio pelos povos americanos antes de Cabral. Se você não se encaixa em nenhuma dessas denominações,a leitura desse livro vai deixar seu papo bem mais cult e interessante.

O título do livro, entretanto, deixou-me um pouco frustrada em relação ao seu conteúdo ( “não julgue um livro pela capa, né? Eu sei), ao contrário do que ele te faz acreditar, ele vai abordar unicamente a história das doenças, deixando de lado a relação da arte de lado. O que me deixou um pouco frustrada, pois a forma como a arte pode auxiliar os tratamentos, a maneira como os procedimentos eram ilustrados em pinturas e similares daria um tópico e tanto.

Embora o texto faça, em alguns momentos, referências as outras profissões, ele acaba pecando ao ficar muito centrado na medicina, como a ciência responsável por toda evolução do conhecimento da área da saúde, o que não corresponde a verdade (se você acredita nisso, volte duas casas no jogo da vida).

Não sei qual foi a circunstância que gerou a produção deste livro, mas a ideia foi incrível e merece ser explorada, da vontade de ler muito mais sobre o assunto. Os acertos e fragilidades do produto final resultaram em um belo livro que te deixa com mais vontade de saber mais sobre a história da saúde

Espalhe isto!

Deixe uma resposta

Clube do Gueto