Indicação Literária de Novembro

Não, Novembro não é o mês e sim um livro. Aliás um livro fantástico escrito por Vanessa S. Marine. Peguei esse livro emprestado e quase um ano depois, admito não ter devolvido ainda, e nem tenho vontade disso, sorry.

Gente…que livro. A história lhe faz chorar do início ao fim, juro! Mas tem um porém, pode ser de alegria, de raiva ou de tristeza. Esse livro pode tirar de você todas suas tristezas e ver a personagem de uma forma diferente.

Se va haver resenha dele? Sim, logo após este post estarei anexando a resenha para em breves ser publicada. Porque ela merece muita atenção.

A arte da capa, contra capa e uma linda (e maravigold) estilo de arte. Meu pai, esse livro se torna tão perfeito para dias chuvosos, tristes, ensolarados e felizes, enfim qualquer momento. E não, não estou ganhando nada para elogia-lo assim, é que ele é realmente um romance muito teen e perfeito demais para não aparecer por aqui!

Mas aí vai a sinopse:

Amanda Horstmann foi expulsa do time de futebol da escola, sua maior paixão, e no dia seguinte descobre que sua falecida mãe, em vida, compôs uma música para seu pai. Motivada por essa descoberta, decide aprender a tocar essa música para o pai, na esperança de que ele volte a sorrir como antes de se tornar viúvo, mas há um problema: Amanda mal sabe segurar um violão.

É nesse momento em que Fernando Amargo, filho do ex-treinador da Amanda e ex-guitarrista de uma banda de rock, surge precisando de aulas de futebol. Por falta de uma opção melhor, Amanda e Fernando então decidem fazer uma troca, em que um ensinará ao outro o que precisa ao longo de um ano. Porém, o que acontece quando um garoto se submete a ter aulas de futebol com uma garota? E como fica o coração dessa garota ao ajudar o filho da pessoa que ela mais detesta a realizar um sonho que é dela? E o que fazer quando recuperar a felicidade do seu próprio pai te leva a caminhos incertos?

281 Dias Para Recuperar Um Sorriso é um romance emocionante e divertido que narra a história de uma protagonista obstinada a fazer seu pai feliz e a tentar conhecer mais sobre a mãe que nunca teve, nem que isso signifique ter de adiar o seu próprio sonho.

“Se um dia alguém disser que nenhum filho teria coragem de fazer de tudo por seus pais, por favor, conte a eles minha história” 

Indicação Literária de Novembro

One thought on “Indicação Literária de Novembro

Deixe uma resposta